Arquidiocese de São Paulo em ação de graças pela canonização de Padre Anchieta

Todas as paróquias do Brasil são convidadas pela CNBB a expressar júbilo pela canonização do Beato Padre Anchieta, que ocorrerá por decreto do Papa Francisco na próxima quarta-feira (02). As igrejas deverão tocar os sinos nesta mesma data, se possível às 9h da manhã.

catedral_se_1Na Arquidiocese de São Paulo, os sinos baterão em uníssono por cerca de 5 minutos no dia 2, às 14h00. A comemoração solene será no domingo (06), quando haverá procissão saindo do Pátio do Colégio, às 10h15, em direção à Catedral da Sé, onde será celebrada missa às 11h. O arcebispo de São Paulo, cardeal Odilo Pedro Scherer, presidirá a celebração.

A recomendação CNBB é para que a liturgia do 5º Domingo da Quaresma seja mantida. Um roteiro para a missa pode ser encontrado clicando aqui.

Anchieta na história de São Paulo - A fundação da cidade de São Paulo está relacionada à primeira missa celebrada por padre José de Anchieta na missão de Piratininga, em 25 de janeiro de 1554, festa litúrgica da Conversão do apóstolo São Paulo. Ali, os jesuítas fundaram um colégio, o primeiro da Companhia de Jesus na América Latina.